03/02/2021

Avaliação e quantificação das alterações das vias aéreas em pacientes Classe II, divisão 1, submetidos à terapia miofuncional usando aparelho de bloqueio duplo

Por lbotler

    Introdução: O objetivo do presente estudo foi determinar as alterações das vias aéreas em pacientes com má oclusão de classe II, divisão 1, esquelética, com retrognatismo mandibular, tratados com aparelho Twin-Block (TB).

    Métodos: A avaliação das vias aéreas foi realizada em 12 pacientes (média de idade 11,7 ± 1,1 anos) submetidos à terapia miofuncional com aparelho de TB para correção da má oclusão esquelética classe II divisão 1 com retrognatismo mandibular. A faringometria acústica (AP) foi utilizada para avaliar e quantificar as alterações comparativas nas vias aéreas superiores, pré e pós-tratamento.

    Resultados: Os dados adquiridos foram submetidos à análise estatística apropriada. O teste ‘ t ‘ pareado foi utilizado para comparar o pré-tratamento (T0) e após a resposta positiva do pterigóide (T1). O aparelho de TB aumentou a área média mínima das vias aéreas em 0,28 ± 0,25 cm 2 e as vias aéreas médias em 0,47 ± 0,44 cm 2 com IC de 95%. As alterações das vias aéreas mínimas e da área média pós-tratamento foram consideradas estatisticamente significativas ( valor P <0,01).

    Conclusão: A terapia com aparelhos para TB tem um efeito positivo nas vias aéreas superiores e é benéfica para o tratamento de distúrbios relacionados ao sono associados à má oclusão de Classe II, divisão 1, para alcançar mudanças funcionais positivas, estética e qualidade de vida mais saudável.

    Palavras-chave: Faringometria acústica; Via aérea; Qualidade de vida;